TAM anuncia chegada do A350 XWB ao Brasil

O primeiro A350 XWB das Américas já está a caminho do Brasil. A aeronave com as cores da Tam tem pouso previsto para 6h30 de amanhã no aeroporto de Confins, onde será nacionalizada.

Classe Executiva do A350 XWB
Classe Executiva do A350 XWB

A partir de janeiro o A350 fará a rota entre São Paulo (GRU) e Manaus para treinamento de equipe e pilotos e em março passa a operar na rota entre São Paulo (GRU) e Miami e, a partir de abril, entre São Paulo/Guarulhos e Madri (Espanha).

Classe Econômica do A350 XWB
Classe Econômica do A350 XWB

Para uma data tão especial foram criados dois hot-sites: um da Tam (www.tam.com.br/a350xwb) e outro da Airbus – http://www.a350xwb.com/delivery/tam/.

Ainda não tinha visto a projeção da classe econômica e tenho que confessar: ficou muito feio. Tomara que a impressão ao vivo seja um pouco melhor. Mesmo assim, ótimo saber que uma empresa daqui (ainda que seja controlada por chilenos) terá a primazia das Américas.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus supera marca de 1 mil encomendas em 2015

As 169 encomendas registradas pela Airbus em novembro impulsionaram ainda mais o total de pedidos por sua família de aeronaves de corredor único A320, com nova opção de motor (NEO) e opção atual de motor (CEO), enquanto também elevaram o total de pedidos por aeronaves widebody A330ceo e A330neo.

Até o momento, a Airbus alcançou a marca de 1 mil aeronaves encomendadas em 2015, com 1.007 pedidos líquidos.

As entregas de 61 aeronaves em novembro para clientes internacionais envolveram todos os modelos da Airbus atualmente em produção, desde a Família A320 até as A330, A350 XWB e A380.

Levando em conta o volume de encomendas e entregas no mês – entre fabricação e conversões – o backlog geral da Airbus alcançou 6.837 aeronaves até 30 de novembro, batendo um outro recorde na indústria (e correspondendo a cerca de 10 anos de produção).

As transações por aeronaves de corredor único em novembro mais uma vez confirmam o movimento da indústria da aviação mundial em direção a aeronaves com maior capacidade, com a A321, variante de fuselagem alongada da Família A320 da Airbus, recebendo 87 encomendas durante o mês.

Os novos negócios em novembro foram puxados pela Família A320, com um total de 135 encomendas por modelos A320/A321neo e 15 pedidos por aeronaves A320/A321ceo. As encomendas foram lideradas pela compra de 24 modelos A321neo e 15 A320neo pela portuguesa TAP, em uma transação que inclui o A321LR (o que torna a companhia portuguesa uma nova cliente da versão de longo alcance da Família A320neo).

Também entre as encomendas de novembro constam o pedido de 30 unidades do A320neo e seis do A320ceo pela empresa easyJet, além de 30 modelos A321neo pela Korean Air – que se tornou uma nova cliente deste tipo de aeronave e a primeira companhia do leste asiático a encomendar aeronaves de corredor único da Airbus em 40 anos. Completam a lista de encomendas por aeronaves de corredor único em novembro o pedido por 21 aeronaves A321neo e nove A321ceo feito pela VietJet, do Vietnam; além da encomenda por 12 A320neo e três A321neo pelo International Airlines Group, para a espanhola Ibéria.

As aquisições de aeronaves widebody durante novembro foram compostas por 19 modelos da Família A330 por quatro clientes e envolveram quatro versões diferentes da versátil linha de produtos de dois motores da Airbus. A TAP Portugal assinou uma encomenda firme por 14 aeronaves A330-900neo (a posicionando como uma nova cliente do A330neo), enquanto duas aeronaves A330-200ceo foram encomendadas pelo International Airlines Group, para a Ibéria (que se se tornou um novo cliente para esse tipo de aeronave).

A Aer Lingus, da Irlanda – que também é membro do International Airlines Group, receberá dois A330-300 encomendados em novembro, enquanto um jato corporativo ACJ330-300 foi adquirido por um cliente privado não relevado.

As transações do mês levaram o total de pedidos brutos da Airbus durante os 11 meses de 2015 a 1.079 unidades – composto por 825 aeronaves A319/A320/A321neo, 102 modelos A318/A320/A321ceo, 99 unidades do A330ceo, 39 aeronaves A330neo e 14 modelos A350. Levando em conta os cancelamento e conversões até momento, as encomendas liquidas em 2015 chegaram a 1.007 unidades até o dia 30 de novembro.

Já as entregas em novembro foram compostas por 47 aeronaves da Família A320, 10 A330s (incluindo um A330-200 VIP), três A380s e um A350. Entre as entregas do mês, destaca-se o décimo A380 para a British Airways. Até o fim de novembro, a Airbus entregou um total de 24 aeronaves A380.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus A350 XWB da Tam decola com sucesso no voo inaugural

Como bom entusiasta da aviação eu estou acompanhando de perto o processo de montagem do primeiro A350 XWB da TAM. Ontem mais um importante passo foi dado: o voo inaugural decolou com sucesso do Aeroporto Internacional Toulouse, na França. Agora a aeronave segue para a fase final de produção, que inclui novos testes em solo e em voo, antes de ser entregue à TAM em dezembro.

A TAM será a primeira companhia aérea das Américas e a quarta no mundo a operar o A350 XWB. A empresa iniciará suas operações com o A350 XWB em janeiro de 2016, na rota entre São Paulo e Manaus. Na sequência, a empresa operará voos internacionais entre São Paulo/Guarulhos – Miami, São Paulo/Guarulhos – Madri e São Paulo/Guarulhos – Orlando.

Vejam as fotos de divulgação distribuídas pela Airbus:

Tem também um vídeo deste momento histórico:

Belo avião, não?

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus revela o A350 XWB da TAM já com pintura

Os trabalhos para entrega do primeiro A350 XWB para a TAM estão de vento em popa na fábrica da Airbus em Toulouse. Agora já com as cores da Tam já dá pra ver bem esse lindo avião que em breve veremos por aqui.

5591930f-97b2-49cc-a32c-ae72b45951b4

Os próximos passos de produção da aeronave incluem a instalação dos motores, finalização do mobiliário de cabine e montagem do cockpit, antes de iniciar seus testes em solo e em voo. A entrega da aeronave para a TAM está programada para acontecer em dezembro deste ano.

Sempre bom lembrar que a TAM será a primeira companhia aérea das Américas a voar com o A350 XWB e a quarta a operar o modelo no mundo. Não é pouca coisa não! E tem mais 26 A350 encomendados!

A TAM irá realizar voos com o A350 XWB, a partir de janeiro de 2016, entre São Paulo e Manaus. Na sequência, as operações internacionais nas rotas São Paulo – Miami e São Paulo – Madri também contarão com o equipamento. A aeronave da TAM terá 348 assentos, dos quais 318 na Classe Econômica e 30 na Premium Business.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus anuncia maior encomenda de aeronaves de sua história

a320neoIndiGo

Uma cia indiana que até agora eu nem sequer tinha ouvido falar fez a maior encomenda de aeronaves da história da Airbus: são nada mais, nada menos que 250 A320neo. O pedido foi realizado no dia 15 de agosto, data do 69o. aniversário de independência da Índia.

Em 2005, a companhia indiana já havia firmado uma ordem de 100 A320, os quais já foram todos entregues. Em 2011, a IndiGo tornou-se a primeira companhia da Índia a encomendar o modelo A320neo, chegando a um total de pedidos de 280 aeronaves da Airbus. Com o anúncio recente, a IndiGo já encomendou 530 aeronaves da Família A320.

“O acordo confirma a Família A320 como a aeronave preferida para o crescimento dos mais dinâmicos mercados de aviação. Agradecemos à IndiGo e seus cofundadores, Rakesh Gangwal e Rahul Bhatia, pelo grande voto de confiança,” afirma John Leahy, Chief Operating Officer Customers da Airbus.

O que impressiona no anúncio é que a IndiGo tem apenas nove anos de idade. Nove anos e mais de 500 aeronaves encomendadas? Isso é digno do Guinness Book of Records.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus confirma a produção do A380neo

A380_On_Ground

Na segunda feira no post em que narrei minha experiência a bordo do A380 eu falei da aposta arriscada que tinha feito a Airbus ao prever que no futuro haverá demanda para aviões com mais capacidade devido às restrições de vagas para pousos e decolagens nos maiores aeroportos do mundo.

Até aqui as previsões não se materializaram e o programa só tem um grande comprador que é a Emirates, que sustenta o programa praticamente sozinha (tem 64 jatos em frota e outros tantos encomendados).

Analistas chegaram até a duvidar do futuro do programa mas o presidente da Airbus, Fabrice Brégier, afirmou em entrevista que a fabricante uma nova versão do jato já está sendo desenvolvida: o A380neo.

Num investimento de 3 bilhões de dólares o A380neo será mais eficiente com novos motores e asas para resolver o grande problema do jato atual: custo operacional.

A previsão é de que a versão remodelada esteja pronta em cinco anos (2020). Será que a aposta vai se pagar?

Fonte: Travel Weekly

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior esquerdo e lá embaixo, no Iphone somente no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Trip Report: Indochina – 36 – Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A Singapore Airlines é uma das mais conceituadas empresas aéreas do mundo e mantém orgulhosa cinco estrelas entra ano sai ano no ranking da Skytrax. Ela foi também a “launch carrier” do Airbus A-380 em 2007 e na época revolucionou o conceito de primeira classe ao criar as “Suites” a bordo. Durante muitos anos o produto esteve completamente inacessível aos meros mortais e eu jamais imaginei que um dia estaria embarcando nela. Mais um exemplo cristalino do que as milhas podem fazer por você. Sim, tudo o que vocês vão ver hoje foi fruto de pontos do cartão de crédito American Express que eu transferi para a Singapore para emitir este bilhete. Essa experiência incrível eu conto hoje no trigésimo sexto post deste trip report:

  1. Introdução;
  2. Emissão de passagens;
  3. Reserva de hotéis;
  4. Ibis Guarulhos;
  5. Sala Vip Star Alliance (GRU);
  6. Voo Turkish Airlines GRU/IST;
  7. Polat Renaissance Hotel Istanbul;
  8. Cip Lounge Turkish Airlines (IST);
  9. Voo Turkish Airlines IST/BCN;
  10. Sala Vip Pau Casals (BCN);
  11. Voo Swiss Airlines BCN/ZHR;
  12. Voo Swiss Airlines ZHR/AMS;
  13. Voo Eva Airways AMS/BKK;
  14. Voo Bangkok Airways BKK-HKT;
  15. Millenium Resort Patong Phuket;
  16. Holiday Inn Resort Phi Phi Island;
  17. Sheraton Krabi Beach Resort;
  18. Voo Bangkok Airways KBV/BKK;
  19. Renaissance Bangkok Ratchaprasong Hotel;
  20. Voo Bangkok Airways BKK/CNX;
  21. Ibis Styles Chiang Mai;
  22. Voos Bangkok Airways CNX/BKK e BKK/REP;
  23. Sofitel Angkor Phokeethra Golf and Spa Resort;
  24. Voo Vietnam Airlines REP/SGN;
  25. Pullman Saigon Centre;
  26. Voo Vietnam Airlines SGN/HAN;
  27. Sofitel Plaza Hanoi;
  28. Pelican Cruise Halong Bay;
  29. ACV Business Lounge (HAN);
  30. Voo Qatar Airways HAN/BKK;
  31. Bangkok Marriott Hotel Sukhumvit;
  32. Salas Vip BKK Internacional;
  33. Novotel Hong Kong Century;
  34. SilverKriss First Class Lounge (HKG)

Singapore Airlines Voo SQ-861
Hong Kong (HKG) – Singapore (SIN)
Quarta, 16 de janeiro de 2015
Partida: 15h20
Chegada: 19h20
Duração: 4h
Milhas: 1.587
Aeronave: Airbus A380-800
Assento: 3A (First Class Suites)

HKG-SIN

O Airbus A380 é um avião que sempre me fascinou pela ousadia da fabricante europeia em apostar no sentido inverso do resto do mercado. Enquanto a maioria apostava em aviões menores, de apenas dois motores, com maior autonomia, a Airbus vem e lança um gigante de dois andares e quatro turbinas. A ideia por trás desde projeto é que a restrição de pousos e decolagens nos maiores aeroportos do mundo, por conta do aumento da demanda, vai gerar a necessidade de aviões maiores. Até hoje isso não se confirmou e por isso apenas nove cias operam o super jumbo hoje em dia.

Para aproveitar todo o espaço extra a Singapore criou o conceito das Suites, que são cabines como as de trem, onde o passageiro tem portas na entrada, podendo isolar-se por completo. A experiência começa em solo. Está vendo o tapete vermelho? É para os passageiros das Suites:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Como vocês podem ver eu não tive que esperar muito para fazer o check-in e as malas foram despachadas até São Paulo, meu destino final. Isso foi uma tranquilidade já que tinha feito este roteiro de propósito para poder transitar em Changi e conhecer o famoso The Private Room, a mítica sala vip exclusiva para os passageiros das Suites. Como os voos seriam todos com a Singapore recebi também o cartão de embarque dos trechos seguintes (SIN-BCN-GRU):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Depois de passar algumas horas agradáveis no SilverKris Lounge de Hong Kong, experiência que contei no último post deste trip report, deixei para ser o último a entrada no voo, já que a cabine é tem portas e poderia tirar as fotos sem perturbar ninguém. O portão 15 fica pertíssimo do lounge e em um minuto eu estava apresentando meu cartão de embarque.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Notem que as Suites tem o acesso diferenciado:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

O ângulo da ponte de embarque não permitiu que eu tirasse uma boa foto do A380, mas é possível ver uma das quatro turbinas Rolls Royce Trent 900:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

O trajeto até a aeronave é um dos maiores que eu já percorri. Depois de descer este primeiro lance, há ainda outro a percorrer no sentido inverso, já que as Suites ficam no andar de baixo do avião:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Ao entrar na cabine tive a nítida sensação de estar entrando num vagão de trem em razão das portas na entrada de cada cabine. Fui recepcionado pela chefe de cabine que me acompanhou até o assento 3A. O espaço é enorme e mostra o porquê da Singapore ter optado por usar o andar debaixo.  Outras cias optaram por usar o andar de cima, aproveitando o espaço que fica acima do cockpit para criar verdadeiras loucuras, como o chuveiro a bordo da Emirates e o apartamento da Ethiad (com direito a mordomo).

Não dá pra reclamar de encontrar este verdadeiro trono real produzido pela prestigiada Poltrona Frau (a mesma que faz os bancos das Ferrari):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Nem bem eu sentei veio um comissário oferecer um drinque de boas vindas. E não era qualquer drinque, mas uma taça do excelente Champagne Krug Brut Cuvèe:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A sucessão de sensações era interminável. Logo o celular apitou. Era uma mensagem da Singapore:

IMG_1886

Mandei a mensagem de volta e fui direcionado a esta página:

IMG_1897

Isso mesmo: wi-fi a bordo! Mas os preços são proibitivos:

IMG_1898

Voltei minha atenção para a suíte. O cuidado nos detalhes está em toda a parte. Tem até um recado da pessoa que limpou o local e deixou tudo pronto para mim:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Os fones de ouvido são Bose com noise cancelling, marca líder na aviação.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Com eles no ouvido você não ouve absolutamente nada de som ambiente.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Como era um voo curto e diurno, nada de pijmada ou necessaire. Mas a meia e chinelos estavam à disposição:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Vocês não tem ideia do quanto eu pesquisei para escolher o assento. Queria ter a melhor experiência possível e o assento 3A é o único que possui três janelas privativas o que aumenta ainda mais a sensação de amplitude da cabine:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

O descansa pés é enorme e serve como banco para você convidar alguém para almoçar ou jantar. O único senão é que a pessoa tem de estar voando na mesma classe de serviço:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

O esmero no acabamento é de encher os olhos:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

À direita de quem está sentado estão as entradas de áudio e vídeo, usb e tomada universal de 110 volts:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Também estão os controles de iluminação e de chamada do comissário. Há ainda um “do not disturb” para quem quer simplesmente dormir o voo todo:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Logo abaixo está o controle remoto:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A poltrona, embora seja ultra confortável, não tem muita reclinação. A cama está atrás do encosto e você tem que solicitar a um comissário que seja feita quando desejar. Em muitos relatos vi reclamações quanto a este item (reclinação) mas confesso que não vi problema algum. Achei a poltrona mega confortável:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A tela de 32 polegadas parece pequeno com relação ao tamanho da cabine, mas é só impressão. A alta resolução garante uma ótima visibilidade:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Reparem que apesar das portas fecharem, existem essas janelas feitas de material vazado. Elas devem permanecer abertas nos pousos e decolagens:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Já estávamos taxiando quando me dei conta de que nunca vi tantos aviões da Cathay Pacific. Claro, Hong Kong é seu hub mundial:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Tivemos companhia de um Airbus A340 da Cathay na espera pela vez de decolar:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Imagem um prédio de 73 metros (dá aproximadamente um prédio de 24 andares). Agora imagine que esse prédio quer decolar. Foi essa a minha sensação na decolagem: como se um prédio estivesse tentando alçar voo. A velocidade ia crescendo, quatro turbinas no máximo e foi preciso utilizar mais pista do que o “normal” para finalmente inclinarmos em direção ao céu. Apesar disso, todo o procedimento foi extremamente suave. Lá fora Hong Kong ficava pra trás:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Aproveitei este momento para dar uma olhada no menu. Abri a mesa e comecei a folhear:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Ele vem numa bonita capa de couro e é feito especialmente para cada voo:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Na abertura uma apresentação do painel internacional de chefs responsável pelas criações culinárias:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Como vocês podem ver, neste voo foi servido o jantar:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Na primeira parte as opções asiáticas de pratos:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Já na segunda as opções ocidentais. Como eu havia feito a escolha antecipadamente pelo serviço “Book the Cook” só tive que escolher a entrada. O pedido foi tirado ainda em solo para agilizar o serviço.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Em seguida a sobremesa, queijos e o café!

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

A carta de vinhos contém duas opções de Champagne, brancos e tintos, além de um vinho desobremesa. Poucas empresas podem se gabar de servir duas opções de Champagne de altíssimo garbo como a Singapore. Além do Krug que eu tomei neste voo os passageiros podem optar pelo igualmente premiado Dom Pèrignon, safra de 2004:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Há ainda coquetéis criados especialmente para a Singapore, além dos clássicos Bloody Mary e Dry Martini:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

A lista de destilados também merece ser mencionada: McCallan 12 anos single malt, Johnnie Walker Blue Label e vodca Belvere estrelam a seleção:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Pra quem não bebe há também coquetéis sem álcool, sucos e refrigerantes.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Tem até leite (integral ou desnatado!):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

E o que falar do menu de cafés, sob curadoria da italiana Illy? Só o fato de ter um menu de café eu já acho o máximo, mas eles se superam: você pode escolher seu café por origem do grão. Olha lá o Brasil representado!

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

E como vai querer preparado: espresso, cappuccino ou até batizado com conhaque?

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Mas calma que tem ainda a carta de chás, e quem entende de chá são os ingleses, certo? Quem cuida deste setor é a britânica TWG:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Menu
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Menu

Isso não é um menu, é uma bíblia! Com o conteúdo dele eu sobreviveria meses =). Lá fora o céu de brigadeiro estava espetacular:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Lembrei que estava esquecendo de uma foto bem tradicional aqui do blog. Aquela com o cartão de emergência para mostrar o espaço para as pernas. Preciso dizer que não passei aperto?

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Aproveitei pra dar uma olhada no monitor:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Podendo jantar a qualquer tempo escolhi fazer a refeição logo de cara para poder experimentar um pouco da cama da suíte:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Assim que o avião estabilizou me foi trazida uma outra taça de champagne (a anterior foi recolhida para a decolagem) e um mix de castanhas e macadâmias quente:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Como estava viajando sozinho, fiz um brinde a vocês meus leitores queridos:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Enquanto os pratos eram preparados, resolvi dar uma volta na cabine e ir até o banheiro. Olhem como a cabine fica com as portas e persianas fechadas:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

As cabines não são fechadas em cima:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Aqui dá pra ver melhor o ambiente:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Na frente estas escadas levam ao andar de cima onde fica parte da classe executiva:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Aproveitei para tirar outra foto da cabine em outro ângulo:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Muito espaço na área de entrada da aeronave:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

No detalhe o jump-seat (onde os comissários sentam para pousos e decolagens):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

O banheiro não impressionou muito. Espaçoso, sim, mas sem exageros e com decoração sóbria.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro

O charme fica por conta da orquídea (verdadeira) que efeita o ambiente:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro

O fato de não ser distribuída necessaire não atrapalha em nada já que os itens de conveniência estão todos disponíveis no banheiro:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Banheiro
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Banheiro

Na saída vi os itens de serviço já preparados. Hora de voltar pro assento.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A cabine da primeira classe tem quatro fileiras, cada uma com quatro suítes, na configuração 1-2-1. Os dois assentos do meio são ideais para quem viaja junto com alguém, enquanto as laterais são indicadas para quem viaja sozinho:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Entrei na minha cabine e fechei a porta para vocês verem como fica:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

A refeição começou com a mesa sendo posta:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

O cuidado está em todos os detalhes, reparem na manteiga com formato de flor:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

E no belo conjunto de saleiro e pimenteiro:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Toda a lounça é assinada pela Maison Givenchy:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Os trabalhos abriram com a oferta de pães quentes e azeite de oliva (italiano):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Escolhi o pão de alho que estava delicioso:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Neste monento a simpática chefe de cabine Low Shindy veio pessoalmente sugerir os vinhos da refeição. Conversamos um pouco sobre as opções e acabei optando pelo tinto francês.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

A escolha não poderia ser mais feliz. O Chateau Cos d’Estournel 2007 ganhou 95 pontos da Wine Expectator, 90 pontos do Robert Parker e nota 10 do João:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Como entrada selecionei o Foie Gras para delírio do prefeito de São Paulo:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Não sei bem o que foi esse prato na sequência (pato?) pois esqueci de anotar:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Àquela altura não estava nem na metade dos passos do jantar e pensei em pular a sopa de tomate. Ainda bem que aceitei o conselho da Shindy: foi a melhor sopa que eu já comi. Suculenta, com bastante queijo e croutons ela foi um dos pontos altos da refeição:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Em compensação a salada estava assim: sem graça. Comi alguns tomatinhos só pra constar enquanto aguardava a estrela do jantar.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

A lagosta ao Thermidor chegou chegando. Carro chefe do “Book the Cook”, recomendação de 9 entre 10 reviews da Singapore, é praticamente a prova de erros. Mesmo dentre tantas opções deliciosas eu ainda salivo quando lembro deste prato. Cocção perfeita, purê bem feito e bem temperado acompanhando. Parecia que eu estava em um bistrô parisiense e não a 10.000 pés de altitude.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Depois do prato principal não tinha espaço pra muito mais coisa. Minha sorte foi que a sobremesa não encantou.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Já não posso dizer o mesmo do vinho do porto que pedi para acompanhar. Que belo vinho o Taylor’s 20 Year Old Tawny Port:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Reparem na elegância da Singa Girl ao servir o vinho. Digno de um restaurante estrelado!

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Dei uma conferida no monitor e àquela altura estávamos sobrevoando o Vietnã:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

O porto deu-se lindamente com o petit-gateau, que comi sem o molho de manga que estava perdido ali.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Você acha que acabou? Morangos para limpar o paladar para os queijos:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Que vieram assim, em variedades mil. Tentem provar camembert com morango, funciona, viu?

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Jantar
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Jantar

Encerrado o jantar o voo que já estava espetacular virou uma memória afetiva. A comissária chefe, a quem eu tinha comentado que era minha primeira vez voando com a Singapore e que aquilo era um sonho realizado trouxe este ursinho de presente. Por mais que muitos achem um presente bobo aquele gesto inesperado e genuíno cativou. E vamos combinar que esse urso é uma graça:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Agradeci profusamente e revelei o óbvio: aquele era o melhor voo da minha vida. Tudo, desde o avião à suíte, passando pela cia tinha sido perfeito. Mas o que fez a diferença pra valer foi o serviço, atento, gentil e com um algo a mais. Vi ali pessoas que realmente amam o que fazem, preocupadas em dar aos passageiros a melhor experiência possível.

Mas calma que o voo não acabou! Que tal dormir uma cama legítima dentro de um avião? Pedi à comissária que fizesse a cama enquanto acompanhava de perto do processo. Ao contrário de outras poltronas onde o próprio assento é a cama, aqui o encosto é rebatido e a cama é desdobrada já com um colchonete e lençol. A comissária apenas ajeita tudo pra deixar assim:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Cama
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Cama

Apesar de parecer estreita a cama é super confortável e dormi profundamente como se estivesse num hotel (ok, o vinho deve ter ajudado):

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Cama
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Cama

Aqui é possível ver o compartimento de onde sai a cama:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Cama
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Cama

A roupa de cama também é assinada pela Givenchy:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Cama
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Cama

Dormi por cerca de uma hora que era o tempo restante de viagem antes de inciarmos a descida para Cingapura. A comissária veio recolher a cama e perguntou se queria algo mais. Pedi um café que era tudo que eu conseguia digerir depois do jantar.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Lá fora ainda não era possível ver a Cidade-Estado mas já batia uma pontinha de saudade daquele voo. Sabia que o melhor voo da minha vida estava chegando ao fim.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Além de tudo que eu já falei, São Pedro caprichou no dia. Voo absolutamente sem turbulência em todo o trajeto.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Foi bonito chegar em Cingapura com o sol se pondo:

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Ao taxiarmos minha cabeça estava a mil tentando registrar cada detalhe daquele voo. E também pensando no que ainda estava por vir.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Paramos do lado deste avião da Sri Lankan que parecia minúsculo em comparação ao Super Jumbo.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

Antes de desmbarcar pude tirar uma foto dos assentos do meio que viram uma cama de casal (outra primazia da Singa):

 

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

É amigos, quando questionarem você porque você passa até uma bala no cartão de crédito para acumular milhas você pode mandá-los o link deste post. É por isso que eu amo este hobby.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380

No total este voo, acrescentado depois que já tinha emitido o voo de volta partindo de Cingapura custou aproximadamente 11.000 milhas a mais. Pouco, muito pouco pro sorriso no rosto com que sai dele. Mas ainda tinha muita coisa pra acontecer nesta volta. No próximo post eu conto o que tinha depois desta esteira rolante.

Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) - Airbus A380 - Aeroporto de Changi
Voo Singapore Airlines (HKG/SIN) – Airbus A380 – Aeroporto de Changi

Não poderia terminar o post sem agradecer aos comissários de bordo deste voo, o que faço na pessoa da Shindy. Vocês estão de parabéns pelo trabalho que fizeram e elevaram ainda mais meu conceito na empresa em que trabalham. Muito obrigado pelo ótimo serviço e pelo cuidado que tiveram comigo.

Quis fazer este post de maneira especial pois este voo foi especial. Espero que tenha conseguido fazer vocês voarem junto comigo. Eu certamente voei de novo ao escrevê-lo.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior esquerdo e lá embaixo, no Iphone somente no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.


Airbus faz demonstração do novo A350 XWB em São Paulo

Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo

Para apaixonados em avião é sempre uma delícia ver voar ou mesmo acompanhar por fotos um avião novo. A Airbus está fazendo mais um tour mundial como o seu mais novo produto, o A350 XWB e essa semana fez uma parada em São Paulo, onde foi recepcionado pela Presidente da Tam, Cláudia Sender. A Tam, é bom lembrar, tem 27 A350 encomendados e será a primeira cia das américas a operá-lo.

Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo

A Tam receberá o primeiro A350 em dezembro e voará entre janeiro e março na rota São Paulo-Manaus. Em março passa para a rota São Paulo-Miami. A segunda aeronave, ainda sem data de recebimento, será utilizada na rota São Paulo-Madri.

Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo

Um detalhe interessante: as três primeiras aeronaves vierão com apenas duas classes de serviço: 30 assentos da executiva e 318 na econômica. A partir da quarta serão três classes: econômica, econômica premium e business.

Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo

Vale lembrar que esta aeronave é de apresentação e testes e o seu interior é diferente do que será entregue à Tam. Vamos ver mais fotos?

Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo
Airbus A350 XWB em São Paulo

Fonte: Portal Panrotas

Quer receber este e outros posts em primeira mão? Ser o primeiro a saber das dicas e promoções? Assine o blog via e-mail (ali no canto esquerdo ou direito superiores).

Primeiro A350 XWB da TAM ganha forma

Primeiro Airbus A350 das Américas está na fase final de construção
Primeiro Airbus A350 das Américas está na fase final de construção

No mês passado eu falei aqui que a Tam já estava avançando nos procedimentos de antecedem a chegada do primeiro Airbus A350 WXB das Américas, prevista para ocorrer em Dezembro. Fatores como formação e treinamento das equipes e certificação operacional junto à ANAC já estão encaminhados.

Parece que está correndo tudo dentro do esperado: a foto acima, enviada pela Airbus, mostra o estágio atual da construção do avião de longo curso, na fábrica de Toulouse, na França.

Já foram instaladas na fuselagem as asas, lemes horizontas e vertical, trem de pouso principal e o cone da cauda.

O A350 XWB é produzido com 70 por cento de materiais avançados, dos quais 53 por cento são materiais compostos, e traz inovações que proporcionam eficiência extra para as companhias aéreas.
 
As asas foram especialmente desenhadas para se adaptarem a cada fase do voo, alterando sua forma para proporcionar máxima eficiência aerodinâmica. Isso contribui para reduzir emissões de gás carbônico (CO2) e consumo de combustível em 25 por cento, em comparação às aeronaves concorrentes da geração anterior.
 
A TAM será a primeira companhia aérea das Américas a operar o A350 XWB e a quarta no mundo. A empresa possui um pedido total de 27 A350 XWB’s.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior esquerdo e lá embaixo, no Iphone somente no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Airbus A380 completa 10 anos de vida

airbus

Vocês também tem a impressão que o tempo não tem passado, mas sim voado? Nossa senhora, já faz 10 anos que a Airbus realizou o voo inaugural do A380. De lá pra cá 317 aeronaves foram vendidas para 18 clientes, sendo que 150 já foram entregues e estão em operação (a maioria pela Emirates).

Por mês dois milhões de passageiros tem o prazer de viajar neste avião e em até o final deste texto é provável que algum A380 tenha decolado em algum lugar do mundo – uma decolagem ocorre a cada quatro minutos em média.

Eu tinha muita vontade de conhecer este magnifico avião e tive a sorte de fazê-lo numa das melhores cias do mundo, a Singapore, e voando de primeira classe. O relato ainda demora um pouco, já que é um dos últimos posts do trip report que esta sendo relatado atualmente, mas posso adiantar: foi o melhor voo da minha vida.

A380 da Singapore Airlines parado em Changi
A380 da Singapore Airlines parado em Changi

Infelizmente ainda não temos nenhuma cia aérea operando o gigante dos céus aqui no Brasil. Será que teremos novidades no ano que vem?

Gostou do post? Quer ser o primeiro a receber as novidades, dicas e promoções? Assine o blog: no desktop e no Ipad é no canto esquerdo e lá embaixo e no Iphone somente no rodapé. Basta inserir seu e-mail para cadastrar-se e receber sempre tudo em primeira mão.