jetBlue terá wi-fi gratuito em toda frota até 2016

Apesar de ser inexistente por aqui, o wifi a bordo de aviões em rotas domésticas já é realidade nos Estados Unidos há alguns anos. As principais cias aéreas oferecem pacotes de dados que permitem os passageiros utilizar da internet a 10.000 pés de altitude. Acesso pago, obviamente.

Na contramão do mercado, apostando nisso como diferencial, a jetBlue anunciou que irá oferecer a partir do ano que vem internet de alta velocidade a bordo de suas aeronaves sem custo algum.

A empresa terminou de instalar o “Fly-fi” em mais de 150 Airbus A320 e A321 e planeja terminar a instalação nos demais aviões até o segundo semestre de 2016.

O que é incrível é que além de oferecer internet gratuita, ainda irá oferecer uma conexão superior a da concorrência, pois o sistema “Fly-fi” utiliza tecnologia Ka-band, que permite conexões de até 20mbps.

“Em breve, cada cliente da Jet Blue estará a bordo sabendo que nossas aeronaves são equipadas com internet rápida e gratuita e entretenimento. Nosso modelo Fly-fi tem provado que existe um caminho de oferecer mais aos viajantes sem cobrar a mais por isso em suas viagens”, destacou o vice-presidente de Marca e Desenvolvimento de Produtos da aérea, Jamie Perry.

O anúncio vem ao encontro de mais uma novidade que a Jet Blue prepara para o futuro. Em parceria com a Amazon, oferecerá entretenimento on-demand e ilimitado com o lançamento do Amazon Vídeo a bordo, oferecendo aos membros prime da marca acesso instantâneo à transmissão de vídeos e episódios de séries de TV. Isso será feito sem custos adicionais aos integrantes do programa.

Certamente um diferencial competitivo enorme que acredito que vai fazer muita gente repensar as suas escolhas por lá. Por aqui seguimos em compasso de espera para termos internet a bordo (a Gol já anunciou um acordo com a Gogo e planeja oferecer internet em seus voos a partir de 2016).

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Azul anuncia acordo com a jetBlue

A Azul fechou um acordo bilateral interline com a jetBlue, para a comercialização de passagens para destinos atendidos por ambas empresas. A novidade permite aos clientes chegarem ao seu destino por meio de apenas um bilhete, facilitando, por exemplo, o despacho de bagagens (que terão a franquia internacional honrada até o destino final).

Pelos termos do acordo a Azul disponibilizará 90 destinos da Jet Blue para seus clientes, enquanto a norte-americana ofertará as 100 cidades atendidas pela companhia brasileira.

“O acordo entre Azul e Jet Blue amplia ainda mais as possibilidades de voos e destinos para nossos clientes no Brasil e nos Estados Unidos. As duas empresas contam com expressivas malhas aéreas e são reconhecidas pela excelência em serviços aos clientes”, observou o fundador das duas companhias, David Neeleman.

Eu cantei essa pedra láaaaa atrás (veja aqui) quando a Azul anunciou os voos para Fort Lauderdale, que não sem razão é hub da jetBlue.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.

Jet Blue pode voar para o Brasil

Airbus A321 da jetBlue - verão alongada do modelo pode trazer a cia americana para o Brasil
Airbus A321 da jetBlue – verão alongada do modelo pode trazer a cia americana para o Brasil

No ano passado eu reproduzi aqui uma reportagem do jornal Valor Econômico que falava do acordo “open skies” assinado entre Brasil e Estados Unidos. Resumidamente o acordo prevê que as cias aéreas podem, a partir deste ano, definir livremente o número de voos que desejam operar, para quais cidades e quanto pretendem cobrar.

Esta a razão para tantas rotas terem sido estabelecidas entre os dois países neste ano. Só pra ficar nas mais recentes a Azul anunciou que irá voar para Orlando de Belo Horizonte e Guarulhos.

Pois outra cia fundada por David Neeleman está estudando iniciar suas operações para cá. Isso mesmo: a jetBlue investiga a possibilidade de usar o A321neoLR para expandir sua malha aérea para a América do Sul.

“Podemos até chegar ao Brasil com um 321LR”, disse Marty St. George, vice-presidente executivo para a área comercial e de planejamento da jetBlue.

Novas rotas para a América do Sul poderiam funcionar como extenção do serviço que a jetBlue já oferece para Colômbia e Caribe. Ele acrescentou: “Acho que funcionará para vários lugares para onde não voamos atualmente, e a Europa Ocidental é um deles”.

Embora seja ótimo termos mais opções, acho que a possibilidade de mais uma cia operando rotas para os Estados Unidos é mínima, principalmente neste momento de baixa demanda e alta oferta.

Eu li sobre isso no Uol.

Gostou do post? Assine o blog: no computador e no Ipad é no canto superior direito e no Iphone no rodapé. Basta inserir o seu e-mail.